Arquivo da tag: Sentimento

Do que sentimos e não podemos dizer

Todos me contam, num olhar de acônito, como se eu estivesse errado, que um dia vai passar. Do que hoje é memória lúgubre amanhã é memória ferial. E que chega um tempo, que não sei qual o tempo, nem memória … Continuar lendo

Publicado em O Mundo de Bruno | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Das cartas que escrevi

Houve um tempo em que escrevi cartas. Melhor: houve um tempo em que eu mandava as cartas que escrevo. Carreguei, como num embornal, esperanças e sentimentos que nunca viram a vida fora do papel. Ali nasceram e morreram e jamais … Continuar lendo

Publicado em O Mundo de Bruno | Marcado com , , , , , , , , | 1 Comentário

I want to be alone (Dialogue)

I want to be alone I need to touch each stone Face the grave that I have grown I want to be Alone Before all the days are gone And darker walls are bent and torn To pass the time … Continuar lendo

Publicado em O Mundo de Bruno | Marcado com , , , , , , , , , | 1 Comentário